BEM-ESTAR

Você precisa parar sua rotina se for tratar as suas varizes?

Você precisa parar sua rotina se for tratar as suas varizes?
Dr. Sthefano Atique Gabriel - Médico e cirurgião vascular

As varizes representam uma doença circulatória frequente em nossa população, com predomínio no sexo feminino, devido a inúmeros fatores, tais como, uso de medicações contraceptivas, variações hormonais próprias do ciclo menstrual e gravidez. Por outro lado, os homens também podem sofrer com as varizes, que se desenvolvem nesta população principalmente se houver um histórico familiar importante para insuficiência venosa.

Estima-se que aproximadamente 30 – 40% da população mundial sofra com a presença de varizes nos membros inferiores. Apesar do conceito de doença de caráter apenas estético, as varizes crônicas não tratadas são responsáveis por complicações que podem prejudicar a qualidade de vida do paciente, como por exemplo, flebite, trombose venosa profunda, eczemas, dermatite e formação da úlcera venosa.

Uma preocupação associada ao tratamento das varizes refere-se à necessidade de afastar-se do trabalho e manter período prolongado de repouso pós-tratamento. Atualmente, a evolução tecnológica refinou o tratamento das varizes, permitindo que as mesmas possam ser tratadas de maneira eficaz, sem a necessidade de repouso e com retorno imediato ao trabalho e ao convívio familiar.

Portanto, a sua rotina não será mais prejudicada caso você decida cuidar das suas pernas! Manter a beleza das pernas faz parte dos cuidados com a saúde, melhorando a qualidade de vida e a autoestima.

Nos casos de insuficiência de veia safena, o tratamento pode ser realizado com técnicas termoablativas, como Laser Endovenoso e Radiofrequência. Ambas as técnicas permitem que o tratamento seja realizado sem a necessidade de cortes e com cuidado estético máximo. Mesmo em casos mais avançados, o paciente realiza o tratamento e pode caminhar imediatamente, sem repouso prolongado.

Nos casos de “vasinhos”, o Laser Transdérmico associado a Escleroterapia, conhecido como “Técnica Clacs”, representa um tratamento eficaz, moderno e realizado no próprio consultório do Médico Vascular. Não há necessidade de anestesia, repouso ou internação hospitalar.

Se o problema for a presença da úlcera venosa associada a varizes nos membros inferiores, o tratamento com Polidocanol, conhecido como “Técnica da Espuma”, apresenta resultados satisfatórios e convincentes no fechamento e na cicatrização da úlcera venosa. Além disso, mesmo nos casos de doença venosa avançada, o tratamento pode ser realizado no consultório médico, com retorno imediato as atividades diárias.

Para maiores informações a respeito do tratamento das varizes nos membros inferiores, acesse o site www.drsthefanovascular.com.br.


Serviço:

Dr. Sthefano Atique Gabriel

Angiologia e Cirurgia Vascular - CRM 130437

Instagram: @drsthefanoatiquegabriel

Facebook: /drsthefanoatique

Contato:  17 3512-1970

Endereço: R. Redentora, 3106 - Vila Redentora - São José do Rio Preto - SP


+ Sintonia

O inverno chegou! Conheça 6 passos para proteger sua circulação em dias frios

Com a chegada do inverno é necessário atenção redobrada ao sistema circulatório, que inevitavelmente sofre com as variações térmicas. A vasoconstrição representa uma maneir...

Leia +

Dor nas pernas em dias frios pode significar complicações circulatórias

As dores nas pernas constituem um dos principais sintomas associados ao sistema circulatório, sendo que a má circulação e a doença venosa representam as p...

Leia +

Existe relação entre Diabetes Mellitus e formigamento nos pés?

O Diabetes Mellitus representa uma doença prevalente em todo o mundo e caracteriza-se por elevados níveis de glicose no sangue. A hiperglicemia crônica acelera ...

Leia +

Malefícios do cigarro para sua circulação

O hábito de fumar representa um importante fator de risco para as doenças cardiovasculares, em especial para os problemas relacionados ao sistema circulatório. Quem f...

Leia +

Varizes: quando devemos trata-las?

Aproximadamente 40% da nossa população sofre com a presença de varizes nos membros inferiores. As varizes são caracterizadas por veias dilatadas, tortuosas, ins...

Leia +