CULTURA

Cineclube com entrada gratuita começa nesta quinta, na sede do coletivo Cênica

Cineclube com entrada gratuita começa nesta quinta, na sede do coletivo Cênica
Abertura contará com a exibição do filme 'Você não estava aqui', dirigido por Ken Loach, que discute a uberização, seguida de bate-papo com curador, Diógenes Sgarbi
📸 Victor Natureza

Começa nesta quinta-feira, dia 23 de junho, o Cineclube do Projeto Território Cênico 2022, do coletivo Cênica, de São José do Rio Preto, com curadoria do professor e pesquisador Diógenes Sgarbi, especializado em ciência política. O filme de abertura é "Você não estava aqui" (2019), dirigido por Ken Loach, com exibição às 19 horas, na Sede Cênica, no Jardim dos Seixas. A entrada é gratuita e haverá bate-papo com o público após as sessões.

Ambientado na Inglaterra, em "Você não estava aqui", após a crise financeira de 2008, o personagem Ricky e sua família se encontram em situação precária. Ele decide adquirir uma pequena van para trabalhar com entregas e sua esposa luta para se manter como cuidadora. Mas o trabalho informal não traz a recompensa prometida e, aos poucos, os membros da família passam a ser jogados uns contra os outros.

Depois da exibição, Diógenes irá conversar com a plateia sobre a uberização do mundo do trabalho a partir da realidade da Inglaterra, país rico, de economia central, e sobre como isso é uma tendência mundial nas relações de trabalho.

A programação do Cineclube vai até 15 de setembro, com exibições mensais, sempre às quintas-feiras, totalizando quatro longas. Os outros filmes a serem exibidos ao longo da programação são: Black is Beltza (2018, drama/animação, 1h28min, 18 anos), com direção de Fermin Muguruza; "Jorginho Guinle: $ó se Vive Uma Vez" (2019, docudrama, 1h31min, 14 anos), dirigido por Otávio Escobar; e "Entreatos", (2004, documentário, 1h56min, livre), direção de João Moreira Salles.

Sobre o curador

Professor do Instituto Federal de Educação na área das Ciências Sociais, Diógenes Sgarbi é graduado em Licenciatura em Ciências Sociais, com Especialização e Mestrado em Ciência Política. Pesquisador do Pensamento Social Brasileiro e do Movimento dos Trabalhadores. Foi coordenador do Projeto de Extensão Cineclube e Direitos Humanos no IFSP- Catanduva.

Sobre o projeto

Território Cênico é um projeto permanente de formação e difusão artístico-cultural realizado pela Cênica, contemplado em edital do ProAC Expresso, no Edital de Manutenção e Modernização de Espaços Culturais Independentes, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

Realizado desde 2016, retoma o formato presencial em 2022 depois de ser online em 2020, oferecendo uma programação diversa e gratuita, com música, dança, teatro, literatura, artes visuais, audiovisual e economia criativa. O objetivo é a formação de artistas e público e a difusão de trabalhos locais e de outras regiões do Estado de São Paulo.

O projeto contempla também ações relacionadas ao funcionamento da Sede Cênica, à aquisição de equipamentos e materiais, à remuneração de equipe de gestão e artistas envolvidos e à produção e edição de vídeo documental sobre o projeto.

Sobre a Cia. Cênica

Fundada com o nome de Cia. Cênica em março de 2007, a Cênica é um coletivo teatral de repertório formado por 25 artistas, com 11 espetáculos em seu repertório, entre eles, "Sala de Espera" (2021); "de mais ninguém" (2019); "Oi Lá, Inezita" (2018); "Queijo & Goiabada, das canções que você não autorizou pra mim" (2016); "Terra abaixo, Rio acima" (2016); "Virado à Paulista" (2015) e "Sabiás do Sertão – Teatro musical brasileiro em um ato, uma chegança e uma andança" (2013). Circulou por 150 cidades de 11 Estados brasileiros, levando seus espetáculos a um público de mais de 600 mil espectadores. Tem participações em importantes eventos como o FIT Belo Horizonte, MIT – Mostra Internacional de Teatro da Paraíba e FIT Rio Preto – Festival Internacional de Teatro de São José do Rio Preto.

Além do Território Cênico, ainda na área da educação, orienta, desde 2017, outros grupos pelo Programa de Qualificação em Artes. A Sede Cênica, conquistada em 2014, também é aberta a coletivos parceiros para ensaios, apresentações e eventos. Em abril de 2021, realizou, pela primeira vez em formato online, a Mostra Cênica Resistências, em sua 4ª edição, com a parceria de outros quatro coletivos da cidade. Em 2022, publicou a coletânea "Sobre poeira, prosa e cantoria – 15 anos de dramaturgia" (Vitrine Literária), reunindo seus textos teatrais já montados.

SERVIÇO:

Projeto Território Cênico 2022

Cineclube. Curadoria: Diógenes Sgarbi

Quando: 23/6, 14/7, 18/8 e 15/9, quintas, 19h

Onde: Sede Cênica (Avenida das Hortênsias, 265, Jardim dos Seixas, São José do Rio Preto/SP) e Praça das Rosas (Avenida das Hortênsias, em frente ao Colégio Criarte, a 50 metros da Sede Cênica)

Grátis


+ Sintonia

‘Transeuntes - Vida em Movimento’ estreia em Votuporanga

A pandemia da Covid-19 afetou a todos, e mudou, e muito, a forma como vivemos em sociedade. Foram dias, meses e anos de adaptação, medo, cuidados. Agora, passados os...

Leia +

Bella Capri promove Noite Italiana nesta quarta-feira, com cantor Ricardo Bombarda

A Bella Capri Pizzaria, tradicional restaurante do bairro Redentora em Rio Preto, realiza nesta quarta-feira (dia 1º) de junho, a partir das 19h30, a tradicional ...

Leia +

‘Transeuntes - Vida em Movimento’ estreia em Bálsamo no dia 24 de maio no Centro de Atendimento ao Turismo

A pandemia da Covid-19 afetou a todos e mudou, e muito, a forma como vivemos em sociedade. Foram dias, meses e anos de adaptação, medo, cuidados. Agora, passados os pio...

Leia +

FIT Rio Preto abre inscrições para apresentações em programação do Graneleiro

O Festival Internacional de Teatro de Rio Preto-FIT Rio Preto 2022 começa a receber inscrições para apresentações de performances, shows musicais, projetos audiov...

Leia +

Riopreto Shopping recebe lançamento de livro sobre histórias da Arprom

Para marcar mais de meio século de trabalho ininterrupto, chega ao mercado nesta segunda-feira (dia 23) às 19h, no Riopreto Shopping, o livro “Arprom, uma escola de vid...

Leia +